VoIP

5 dicas para escolher o melhor serviço VoIP e não errar mais!

serviço voip
Integra VoIP
Escrito por Integra VoIP

Cada vez mais cresce o número de empresas que contratam serviços VoIP para agilizar, otimizar e reduzir os custos de seus serviços de telefonia. Porém, a escolha de um provedor que atenda a demanda das necessidades específicas de cada companhia ainda gera dúvidas em muitos gestores e empresários.

Sempre surgem perguntas como: quais quesitos é preciso priorizar? É necessário pensar em custo-benefício ou o barato poderá sair caro? Será que a empresa terá a estrutura para me atender plenamente? É preciso renovar a estrutura de rede atual?

Neste texto listamos 5 dicas valiosas para que você possa fazer uma boa escolha da operadora de telefonia VoIP para a sua empresa. Acompanhe!

Saiba escolher o serviço VoIP

1. Defina as suas necessidades

Primeiro, faça um inventário sobre a situação dos sistemas de telefonia atual de sua empresa. Equipamentos, qualidade e quantidade de ligações, valores etc. Em seguida, faça um checklist das necessidades da sua empresa, pense em perguntas que possam ajudá-lo a montar essa checklist, como:

  • Pretendo apenas receber chamadas?

  • Quero manter o número atual?

  • Necessito de um PABX?

  • Disponho dos equipamentos e conexão necessários para um bom desempenho dos serviços de VoIP?

  • Qual é o meu gasto atual com telefonia?

  • Qual é o tempo total das ligações mensais em minha empresa (em minutos)?

  • Faço mais ligações locais ou tenho clientes e parceiros de outros estados e países?

Depois, verifique os planos que cada operadora oferece, os tipos de chamadas que poderão ser feitas — locais, longa distância, internacionais —, custo por minuto e flexibilidade para mudar de planos conforme aumento de demanda.

É fundamental conhecer bem os planos oferecidos, para que você possa fazer uma projeção de orçamento baseado nas necessidades de sua empresa, lembrando sempre que planos empresariais tendem a ter mais descontos porque o fluxo de ligações será maior do que em um plano residencial, por exemplo.

2. Analise os planos e tarifas

Como empresário, você sabe que nem sempre preço baixo é o fator determinante para a escolha de um prestador de serviço. Mas sabe também que não é nada saudável, financeiramente falando, arcar com um custo de recursos que não utilizará.

É necessário que sejam feitas análises mais profundas sobre as tarifas relacionadas aos benefícios oferecidos, para chegar a um valor esperado e satisfatório. Quesitos como suporte, abrangência do plano, qualidade do serviço, mobilidade, portabilidade, entre outros, devem ser os parâmetros corretos para uma boa escolha.

Antes de fechar o contrato, esteja atento a todos os detalhes, tenha ciência exata dos serviços que está contratando e pagando, e as possíveis tarifas extras que poderão ser adicionadas nas contas subsequentes. Algumas operadoras oferecem planos pré-pagos, sem mensalidade, nos quais você pagará as chamadas por minutos.

Existe também os planos mensais, que oferecem alguns recursos básicos, como número virtual e portabilidade. E os planos de PABX completos, com múltiplos ramais, gravação de ligações, identificadores de chamadas etc.

3. Pesquise a reputação do serviço VoIP no mercado

Uma boa maneira de identificar se a operadora tem credibilidade é entrando em contato com clientes antigos e atuais das empresas. Dê preferência aos depoimentos de pessoas que comandam empresas do mesmo porte e segmento que a sua, para que você possa fazer uma comparação mais fiel aos possíveis problemas que você terá. Caso não consiga entrar em contato direto, a internet está aí para ajudá-lo nessa missão.

Procure por sites de pesquisa de reputação, como o Reclame Aqui, e verifique se há requisições sobre a empresa. Utilize também as redes sociais, blogs especializados e fóruns de discussão.

Lembre-se de que todo caso tem um contexto, por isso, analise detalhadamente cada questionamento relatado e faça um comparativo para chegar a uma conclusão antes de desistir de alguma operadora.

Outra solução para avaliar a qualidade e reputação de uma prestadora de serviços é fazendo um contrato menor, apenas para testar a qualidade dos serviços prestados.

4. Analise a mobilidade e portabilidade

Estamos conectados à web 24 horas por dia e 7 dias por semana, e isso mudou a forma como nos relacionamos, consumimos conteúdos e trabalhamos. É necessário que as estruturas de trabalho estejam alinhadas com essa nova realidade, e você deve levar isso em conta na hora de contratar uma operadora de VoIP para a sua empresa.

Com o crescimento da computação em nuvem, muitos provedores estão concentrando seus serviços nessa tecnologia e centralizando os recursos de software e hardware em um só lugar. Essa tecnologia só favorece a mobilidade e a portabilidade, visto que não requer grandes estruturas internas na empresa, apenas uma boa conexão com internet.

Em relação à portabilidade, é uma oportunidade de você manter o número atual e o fluxo normal de ligações recebidas e feitas. Uma mudança brusca no número, sem aviso prévio, poderá significar perda de contatos com alguns clientes e parceiros.

5. Verifique a qualidade do suporte ao cliente

Escolha uma operadora que ofereça suporte 24×7. Com a mobilidade, as pessoas estão conectadas o dia todo e muitas trabalham no regime home office. Será extremamente desagradável se você ou alguém de sua equipe deixar de fechar um negócio ou resolver algum entrave produtivo por problemas técnicos relativos ao serviço VoIP, que não possam ser solucionados na hora.

Suporte apenas em horário comercial não faz mais sentido, afinal, problemas não chegam com hora marcada, não é?

Prepare a sua estrutura

Faça uma avaliação técnica sobre a sua conexão, verifique a estabilidade, capacidade de banda e outros fatores que possam intervir na qualidade. Isso é muito importante na hora da escolha, pois de nada adianta contratar um bom provedor, com planos e tarifas satisfatórias se a sua estrutura interna não estiver preparada para receber o serviço.

Com vimos, a escolha de um bom serviço VoIP é resultado de uma série de análises que passam pela estrutura de sua empresa, planos, tarifas e condições de suportes que são oferecidos pelas operadoras. Além disso, nunca deixe de verificar a reputação e a credibilidade dos futuros parceiros antes de assinar qualquer contrato, são alguns minutos que evitarão futuras dores de cabeça.

E aí, gostou das dicas? Entre em contato conosco para saber como caprichar na escolha do seu serviço de VoIP. Estamos à sua disposição.

Sobre o autor

Integra VoIP

Integra VoIP

Deixar comentário

Share This